domingo, 25 de outubro de 2015

Trekking Chapada Diamantina - Minhas primeiras considerações


Voltei, e confesso que demorei a começar a escrever sobre essa viagem pela quantidade de novas experiências vividas.
Levei um tempo para digerir todas as novas informações e sentimentos e ainda estou nessa fase de repensar e avaliar tudo.


Eu sabia que seria uma viagem com muitos desafios, que testaria meus limites físicos (sempre fui sedentária e comecei a frequentar a academia para essa viagem), mas foi muito mais que eu esperava. Foi uma viagem de aprendizados em que vivi momentos inesquecíveis.

Passamos uma semana totalmente desconectados. Nos desconectamos do "mundo" e nos conectamos às pessoas e a natureza. Vivemos essa semana de forma simples, mas intensa. Conhecemos e desfrutamos (verdadeiramente) de companhias de pessoas muito especiais, conhecemos lugares incríveis, pessoas simples e batalhadoras. Vivemos uma outra realidade, totalmente diferente da nossa. 



Foi meu primeiro trekking, e por isso muito especial. Cheguei cheia de dúvidas, receios e expectativas e saí com uma bagagem cheia de aprendizados e a certeza de que vou fazer muitos outros. Quero mergulhar novamente em mundos tão diferentes do meu e aprender muito com tudo isso.

Tivemos o privilégio de pegar um guia nativo, que foi garimpeiro, conhece o lugar como a palma de sua mão, sabe de lugares incríveis que as vezes não estão nos guias e rotas alternativas em caso de chuvas, alagamentos, cheias nos rios, etc. Um cara simples, mas com muito conhecimento, super seguro, bem humorado e com ótimas tiradas. Acrescentou muito em nossa viagem.


Também pegamos um grupo maravilhoso. No total estávamos em seis, mais o guia. O único homem do grupo, exceto o guia, era meu marido, rs. As meninas eram ótimas, todas bem humoradas, prontas para o que der e vier, sempre dispostas a ajudar. Cada uma com sua história de vida e viagens, sempre acrescentando ao grupo. Aprendi muito com todas elas e são amizades que pretendo carregar para o resto da vida.


Vou fazer outras postagens, falando mais especificamente das trilhas, dos locais que passamos, das experiências vividas, mas já adianto que é uma viagem que supera muito as expectativas e aconselho todos a fazer. É uma experiência e tanto. 

Percebi o quanto é fácil viver e que nós é que complicamos tudo. Não é preciso muito para ser feliz.

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Bloco 7 De Pedacinhos e Férias...


Hoje vim mostrar o último bloco que fiz no grupo De Pedacinhos.
Foi ensinado pela Luciana Merencio.

Eu escolhi os tecidos a partir do bloco central, em que usei o que as americanas chamam de "fussy cut", que é quando você corta o tecido escolhendo o desenho que quer mostrar no bloco. 



Nesse caso foi fácil porque era um painel, mas as vezes, para fazer esse tipo de corte, há um desperdício maior de tecido. 
Apesar disso, o efeito compensa.

Eu gostei bastante do resultado desse bloco. E foi o meu último no grupo. As aulas de blocos continuam até o final do ano, mas pedi para me desligar porque não vou conseguir cumprir os outros prazos devido a outros projetos que tenho que realizar. Mas ano que vem volto com certeza.

E falando em projetos, estou de férias! Uhuuu!!
E em contagem regressiva para uma viagem que irá testar meus limites físicos. 



Vou ficar 8 dias na Chapada Diamantina (Bahia) e fazer cinco dias de trekking, caminhando cerca de 12 a 18 Km por dia. Treinei bastante na academia estes últimos meses, mas confesso que estou com um certo medo (friozinho na barriga) e ao mesmo tempo muito empolgada. Dá pra entender?

Mas tenho certeza de que será uma experiência inesquecível.

E você o que tem feito por aí?

Tenha uma ótima semana!

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Bloco 6 De Pedacinhos

Olá!!! Como você está?

Eu na verdade já estou com outros projetos em andamento, e agora me dei conta que faz tempo que não publico por aqui, apesar de sempre visitar alguns blogs.

Então vim mostrar a minha versão do bloco ensinado pela Mariângela Franco no grupo.
Esse bloco tem vários nomes: Chave do macado, Monkey Wrench, Snail Trail ou Rastro do Caracol. 



A junção de vários desses blocos pode formar desenhos muito bacanas.
Eu fiz quatro blocos e fiquei na dúvida de como uni-los. A intenção é formar um centro de mesa (bem mais pra frente, quando conseguir adiantar meus outros projetos, rs)

Aqui estão quatro opções de uniões. Qual a sua preferida? 


Coloquei a votação lá no grupo também quando fiz os quatro blocos, mas não vou contar o resultado de lá para não influenciar sua votação, rs.

Volto logo, assim que fotografar os outros projetos em andamento.

Beijos!

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Clothesline Village - Casa 2


E aqui está minha segunda casa do QAL.

Esta foi feita com técnica de patchwork tradicional (piecing) e algumas aplicações.



E como na primeira casa, também fiz algumas modificações. 

No projeto original as janelas eram bem menores e feitas com somente uma peça, dando a impressão que as luzes da casa estavam apagadas.

Então eu aumentei as janelas e fiz as aplicações com tecido amarelo para darem mais vida. 

A janela central também não existia no projeto original.



Só não fiquei muito contente com a escolha do tecido rosa claro, achei que ficou meio apagado perto dos outros.


E se você ainda não viu a primeira casa do projeto, é só visitar essa postagem "Clothesline Village - Primeira Casa".

E por aqui continuo na correria, tentando dar conta de todos os projetos. E você, o que tem feito por aí?

Beijos!

quinta-feira, 30 de julho de 2015

Mistery Quilt - Objetivo 5


Olá, hoje vim mostrar mais um objetivo cumprido do Mistery Quilt que eu estava fazendo ano passado e estava meio paradinho.
Como eu disse na postagem anterior, estou tentando terminar projetos antigos, apesar de sempre estar começando algo novo, rs.



Foram dois blocos maiores, já começando a colocar as aplicações no lugar. 
Essa fase é um pouco mais trabalhosa.

Na foto aqui embaixo, dá pra ver como ficou cada bloco:

(E dá pra ver também como esse tecido vermelhinho desfia, rs).

Estou gostando bastante de como está ficando e das cores que escolhi para este projeto.

Se quiser relembrar os objetivos anteriores, eles estão nesse marcador "Quilt Misterioso".

Ah, e a Ana Paula comentou no post anterior que eu não falei mais do Dexter.
Bom, ele continua aqui, sendo meu grude quando estou no computador. 



Esses dias eu estava aqui respondendo aos comentários do blog e acho que ele queria mandar recadinhos também, já que ficava apertando o mouse e o teclado, hahaha.

Fiz um vídeo dele dormindo no meu colo enquanto eu escrevia para o blog e respondia comentários. Percebam como ele ronca... Desculpa a qualidade do vídeo, fiz com o celular e meio sem ângulo, dá pra entender porque né?



Bom, por hoje é isso. Espero que tenha gostado.

Beijos e até mais!

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Clothesline Village - Primeira casa


Olá, tudo bem com você?

Eu resolvi pegar firme essa semana e terminar projetos antigos, mas, como uma boa "patchworkeira" acho praticamente impossível resistir a um novo projeto.


Há tempos que eu acompanho o trabalho impecável da Deana Jennings, que escreve o blog Dreamworthy Quilts junto com suas irmãs. 
E quando ela lançou agora em julho (e eu fiquei sabendo só no dia 21, quase no final do primeiro prazo) um novo QAL (Quilt Along), eu não resisti.
E foi assim que me juntei ao Spring QAL - Clothesline Village.

É um acolchoado com várias fileiras e em cada uma, um motivo diferente. 
A primeira fileira, que é o primeiro objetivo, é feita de casinhas e eu já fiz dois blocos.

Para a primeira casinha eu escolhi um tecido verde alegre e foi todo feito costurando as pecinhas na máquina de costura (piecing). Parece simples, mas requer paciência para cortar tudo e depois costurar.

Depois de terminar, eu achei que estava ainda um pouco sem graça e resolvi bordar florzinhas nas janelas, como mostrei na primeira foto.
O bordado é simples, apenas com nozinhos franceses, mas achei que deu outra cara para o bloco, que ficou mais romântico.

Aqui uma foto mais de perto:


E eu estou trabalhando também em outros projetos simultaneamente, então os dias estão bem corridos. Fiquei curiosa, você também costuma fazer isso? Tudo ao mesmo tempo? Ou só eu faço isso? rs.

Espero que tenha gostado.

Logo eu volto para mostrar mais casinhas e outros projetos.
Beijos.

segunda-feira, 20 de julho de 2015

Bloco 5 do Grupo De Pedacinhos


E por aqui continuo nos blocos.
Ainda não consegui fazer a almofada e a toalha com os blocos que mostrei no post anterior.

Mas ainda chego lá, rs.

E hoje vim mostrar o 5º bloco desse ano, ensinado pela querida Sonia Such, que tem trabalhos sensacionais.
Escolhi fazer em laranja, para ficar mais alegre.


Também pretendo fazer uma almofada com ele.

E você, o que anda fazendo por aí?

Beijos e ótima semana!

sexta-feira, 10 de julho de 2015

Mais blocos


Continuo fazendo blocos nos grupos de patchwork que participo.
Hoje vim mostrar pra vocês os blocos que aprendi no grupo De Pedacinhos.

O primeiro foi ensinado pela Adriana Martinelli. Ela deu várias opções para a montagem do bloco e cada participante fez de uma forma. Todos os blocos ficaram lindos.

Esse é o meu.
Escolhi colocar no quadrado central um tecido com estampa grande e fiz o corte para que se encaixasse perfeitamente no centro. 

Escolhi cores alegres para compor o bloco, com o qual pretendo fazer uma toalha de café.



O outro bloco que vim mostrar hoje foi ensinado pela Silvia Souza, mas foi uma homenagem à nossa querida amiga Rita Maria Ferreira Abreu, que iria nos ensinar o bloco, mas faleceu no dia 19 de abril, repentinamente com um infarto fulminante. 

Rita deixa muita saudade no grupo, era aquela amiga sempre disposta a ajudar a todas. Sentimos muito a sua partida. É estranho, porque de vez em quando entro no grupo e acho que ainda vou encontrá-la ali...

Bom, mas esse é o meu bloco "folha de outono".
Quis fazê-lo da melhor forma possível como uma homenagem a nossa querida Rita. Escolhi tons terrosos, que achei que combinariam melhor com o bloco. 

Pretendo fazer uma almofada com ele.


Espero que tenham gostado. 
Estava com saudade de vir aqui conversar com vocês.
Tenho mais blocos esperando pra finalizar e logo venho mostrar.

Grande abraço!

segunda-feira, 6 de abril de 2015

A4AII - Blocos 2 e 25 e minhas placas de design




A segunda lição do projeto A4AII está feita.
Dessa vez a quantidade de blocos aumentou.
Foram 3 blocos em nine patch (que são o bloco de número 2 do projeto) e dois blocos retangulares com quadrados perfeitos (bloco de número 25).


Os primeiros blocos irão ficar juntos no quilt, então resolvi fazer um com cores diferentes para intercalar. Assim irão se destacar.

Aproveito para mostrar pra vocês minha "placa de design" (design board). Na verdade é só uma delas, porque prefiro ter algumas sempre a mão.


Como não tenho espaço para ter uma "design wall" ou parede de design, o jeito é me virar com peças menores, rs.

Pra quem não conhece, eu explico.
São peças forradas com manta ou feltro e que facilitam na hora de manipular as pecinhas cortadas que irão para a costura, porque as peças "grudam" na placa e você não se perde, sabe a ordem exata de costura e pode tirar a prova pra ver se está tudo no lugar a qualquer momento.

Eu esqueci de fotografar essa etapa, mas prometo que numa próxima vez fotografo para ficar mais claro a explicação.

A placa aí de cima eu fiz reaproveitando um quadrinho que tinha em casa, mas tenho outras que usei apenas um papelão como base e um feltro colado em cima.

Aqui em baixo estão todos os blocos do projeto já feitos, e estão em uma placa de design maior. Essa fica ao lado da minha máquina de costura. 


Essas placas são ótimas quando você está fazendo um novo projeto e quer inverter blocos ou modificar alguma coisa, assim você pode ter uma visão de como irá ficar antes de costurar.

Espero que tenham gostado das dicas e dos meus novos blocos.

Até mais!

sexta-feira, 13 de março de 2015

Patchwork Design 2015 - Minha visão da feira


Olá, tudo bem?

Ontem estive na Patchwork Design, feira que vai até domingo no Centro de Exposições Frei Caneca (dentro do Shopping Frei Caneca) em São Paulo, na companhia da querida amiga Marli, e claro que tirei algumas fotos pra mostrar pra vocês. Não tirei foto de tudo, mas dá pra ter uma idéia. Vamos lá?

Assim que entramos, fomos visitar a exposição de quilts artísticos. Estava show. Um trabalho mais lindo que o outro, apaixonante.

O trabalho que mais me encantou foi esse da artista Collen Wise, pelas cores escolhidas e a riqueza de detalhes:

Quanto mais observamos, mais detalhes encontramos. Apaixonante.

Esse detalhe foi a Marli que percebeu, as mãos colocando as peças e completando o trabalho, que idéia magnífica:

Impressionante como as figuras saltam do trabalho. 

Outro trabalho que gostei muito foi o da Caryl Bryer. As cores também me fascinaram.
As curvas e o trabalho de quilting estão impecáveis. Reparem como nas bordas somente o quilting é que dá continuidade as formas curvas do trabalho. 


Nessa outra foto dá pra ver mais detalhes:

Tinha outros trabalhos maravilhosos na exposição, mas minhas fotos não ficaram muito boas para mostrar, uma pena.

Na exposição encontrei a querida Jô (Josefa Rodrigues) que é uma mestra em patchwork, tem mãos de ouro, com trabalhos maravilhosos e ainda é super generosa, sempre disposta a dar dicas e ensinar:



Aqui uma fotinho da turma toda (Jô, eu, a amiga da Jô e a Marli). Amei essa foto, ficou linda com a exposição atrás, não ficou?



Bom, depois de passear pela exposição, eu e a Marli fomos para a área dos stands. 
Achei essa parte pequena, sem muitas novidades (para quem está acostumada a ir em feiras).

Para mim, o destaque foi o stand da Fuxicos e Fricotes, que estava sensacional, com projetos maravilhosos e de muito bom gosto (como sempre né), além dos tecidos e painéis encantadores:


Aqui eu comprei dois painéis e dois projetos. A bolsa vermelha com um anjinho e a mala com casinhas de passarinhos.
Estava enlouquecedor. A mulherada indo a loucura com os painéis, tecidos e projetos. Acho que era o único stand "muvucado" o tempo todo. Sinal de que patchwork de qualidade sempre faz sucesso.

Quero agradecer a Marli pela companhia nota 10 na feira. A Marli é daquelas amigas que você nem sempre tem contato, que as vezes fica sem falar pela correria do dia a dia, mas que quando encontra parece que não se passou tempo nenhum, sabe?  


Ah, e como não poderia faltar, as comprinhas.
Até que me controlei, comparando com as compras de minhas primeiras feiras, rs.
Foram dois painéis, dois projetos e materiais que eu estava precisando mesmo (bobinas e marcadores de tecido).


Bom, espero que tenham gostado do meu "mini tour" pela feira. O que acharam? E se você também foi, quero saber sua opinião também, do que mais gostou, etc...

Beijos!!

terça-feira, 10 de março de 2015

A4AII - Blocos 9 e 12


Hoje vim mostrar meus primeiros blocos do projeto Aiming for Accuracy II, ou abreviando, "A4AII."


E aproveito para dizer que sempre temos algo a aprender.
Esse projeto é incrível, estou aprendendo dicas maravilhosas com a Michele. Coisas simples, mas que fazem grande diferença na precisão das costuras.

Pra você ter uma idéia, consegui deixar os dois blocos no tamanho exato que deveriam estar (milimetricamente falando), somente com o corte mais apurado e as costuras na margem exata. Não precisei refilar nenhum dos dois blocos. 

Nessa foto abaixo, eu coloquei um bloco sobre o outro e dá pra ver como eles ficaram do mesmo tamanho.


O bloco do lado esquerdo é o bloco número 9 do projeto, o mais simples. 
O do lado direito é o bloco de número 12.


Para este projeto criei coragem e estou usando meus tecidos importados. 
O único tecido nacional é o champanhe que aparece nos dois blocos centrais. Eu precisava de uma quantidade maior do tecido que fosse utilizar para contraste e por isso tive que usar um nacional, porque não tinha nenhum importado na metragem necessária. 
Esse tecido será usado em todos os blocos.

Mas acho que foi uma boa combinação, não acham?

Ansiosa pela próxima aula, mas, como não consigo fazer uma coisa só, já tenho um novo bloco do grupo De Pedacinhos para preparar.

Espero que tenham gostado.

Beijos e até mais!

quinta-feira, 5 de março de 2015

Voltando com meus bloquinhos


Quem visita o blog sabe o quanto eu valorizo o artesanato bem feito.
Estou sempre em busca de novas técnicas e novos conhecimentos.

E esse ano, faço parte novamente no grupo de blocos da Silvia Souza e amo estar ali, porque é um meio de interagir com outras apaixonadas por patchwork e aprender algo novo.
É um grupo muito unido e como a maioria já faz patchwork há algum tempo, sempre existe algo para se dividir.

Esse é o meu bloco desse mês, que foi ensinado pela Silvia Souza. Você pode unir os pedacinhos de diferentes maneiras e é muito divertido ver como o bloco de cada participante ficou diferente.

Eu fiz totalmente com retalhos e sobras de outros trabalhos. Foram muitos quadradinhos e muitas costuras, mas valeu a pena, pude treinar bem minhas costuras e encontros das pontinhas.

Falando em treinar, esse ano entrei em um projeto muito bacana, que é da Michele Foster do site Quilting Galery, justamente para treinar e aperfeiçoar ainda mais minhas costuras.

O nome do projeto é "Aiming for Accuracy", que eu traduzo como "Buscando a precisão" ou "Em busca da precisão", que é uma das características mais importantes para quem quer se dedicar ao patchwork.

Aqueles tecidos que eu mostrei no post anterior são os que eu vou utilizar nesse novo projeto.

Vou postando meus resultados aqui para que vocês acompanhem.

E quanto ao bloco acima, ainda não sei bem o que fazer com ele. 
Talvez uma toalha, o que você acha? Aceito sugestões.

Bom, por hoje é isso. 

Beijos e até mais!

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Oba, voltei!!!

É impressionante como o tempo passa rápido e (quase) não percebemos não é?
Hoje me dei conta de que já fazem quase 6 meses que não passo por aqui.

Mas continuo trabalhando bastante e como sempre, com mil idéias na cabeça e projetos novos.

As últimas encomendas entregues foram estas duas.

Uma lixeirinha de carro com o perfil de uma mulher:


E um kit para um bebê que nascerá em abril:
Fiz um babador, um paninho de ombro (pra quando a mamãe for colocar o bebê com a cabecinha em seu ombro após ser alimentado) e uma fraldinha de boca.

E já estou com tecidos separados para um novo projeto:


Quanto ao Mistery Quilt, ainda não terminei e com a correria do dia a dia, ele acabou ficando um pouco de lado, mas assim que tiver avançado nele, eu venho mostrar pra vocês.

Estava com saudades. Beijocas e até mais!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...